Ecossistemas de inovação: a natureza da inovação em serviços

Anita Kon

Resumo


O artigo examina as características dos ecossistemas de inovação focando o papel das inovações nas atividades de serviços envolvidas. O ensaio objetiva investigar as premissas teóricas sobre as funções e características dos ecossistemas de inovação no contexto do desenvolvimento econômico, particularmente observando a contribuição dos serviços nesta dinâmica. Discute-se como estas atividades atuam como facilitadoras da operacionalização da inovação, porém por sua natureza de intangibilidade, possuem características diferenciadas das inovações em tecnologia tangível. O texto apresenta uma visão conceitual dos ecossistemas de inovação mostrando sua forte dependência destas atividades intangíveis. A seção seguinte trata das características específicas das inovações em serviços e dos impactos consideráveis porem diferenciados que geram no contexto de cada sistema específico. Finalmente, são examinados vários paradigmas de operacionalização das inovações em serviços, resultantes das condições específicas dos agentes envolvidos e da seleção das alternativas de implementação destas inovações em adequação ao mercado em que atuam.


Palavras-chave


Economia. Serviços. Inovação. Ecossistemas de inovação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v7i1.170

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638