A INFLUÊNCIA DOS SUPORTES ORGANIZACIONAL E DO SUPERVISOR PERCEBIDOS SOBRE OS COMPORTAMENTOS CONTRAPRODUTIVOS NO TRABALHO

Harrison Bachion Ceribeli, Felipe Romaskevis Severgnini

Resumo


Os comportamentos contraprodutivos dos empregados são bastante prejudiciais às organizações, visto que impactam negativamente tanto seus resultados quanto sua imagem no mercado. Apesar disso, alguns de seus antecedentes, incluindo a percepção de suporte, continuam, até o momento, pouco explorados na academia, carecendo de novas investigações. Assim, definiu-se como objetivo de pesquisa analisar a influência que o suporte do supervisor percebido exerce sobre o suporte organizacional percebido e como ambos afetam a manifestação de comportamentos contraprodutivos no ambiente de trabalho. A pesquisa classifica-se como quantitativa, descritiva e transversal. Os dados foram coletados em uma amostra composta por 383 trabalhadores e analisados por meio da técnica de Modelagem de Equações Estruturais utilizando o software AMOS v. 22. Examinando os resultados obtidos após a coleta e análise de dados, não foi possível confirmar que o suporte do supervisor percebido exerce uma influência direta sobre os comportamentos contraprodutivos do trabalhador. Em contrapartida, confirmou-se que o suporte do supervisor percebido influencia positivamente o suporte organizacional percebido, o qual, por sua vez, tende a reduzir a incidência de comportamentos contraprodutivos no trabalho.


Palavras-chave


Suporte organizacional percebido; suporte do supervisor percebido; comportamento contraprodutivo do empregado.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v11i2.679

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638