ANÁLISE DE CONGLOMERADOS DO NÍVEL DE TRANSPARÊNCIA PÚBLICA E INDICADORES SOCIOECONÔMICOS DOS MUNICÍPIOS PERNAMBUCANOS

Alann Inaldo Silva de Sá Bartoluzzio, Luiz Carlos Marques Dos Anjos

Resumo


Este estudo objetivou analisar as características socioeconômicas dos municípios pernambucanos frente ao nível de transparência das informações sobre a gestão pública municipal divulgadas pelos governos nos portais eletrônicos. Para atingir o objetivo proposto, verificou-se nível de transparência da gestão pública municipal a partir do Índice de Transparência Municipal (ITM-PE), publicado pelo Tribunal de Contas de Pernambuco, construído com base na legislação brasileira aplicável que trata sobre a divulgação e o acesso às informações públicas. De acordo com a disponibilidade dos dados, o total de 181 municípios em Pernambuco foram analisados por meio da análise de conglomerados, considerando oito indicadores sociais e econômicos com potencial de descrever o nível de transparência das gestões locais. As evidências apontam características comuns entre as variáveis sociais Índice de Desenvolvimento Humano Municipal e Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal, Urbanização e os níveis de transparência na divulgação de informações sobre a gestão pública nos municípios.


Palavras-chave


Finanças Municipais; Transparência; Conglomerados

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v11i2.570

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638