Empresas Sociais na promoção do Desenvolvimento Local: avanços e armadilhas em Brumadinho/Minas Gerais

Adriana Ferreira Furtado, Armindo dos Santos de Sousa Teodósio, Júnia Fátima do Carmo Guerra

Resumo


O artigo analisa a difusão de Empresas Sociais em dinâmicas locais. Empresas Sociais são aquelas que favorecem a sustentabilidade ao envolverem populações pobres em suas atividades. Trata-se de um estudo de caso do município de Brumadinho em Minas Gerais/Brasil, marcado por diferentes projetos de desenvolvimento oriundos das atividades de mineração e do turismo cultural e ambiental, no qual se insere o museu de arte contemporânea Inhotim. Os resultados da pesquisa ajudam a compreender as possibilidades e armadilhas que se configuram para a difusão de práticas empresariais sustentáveis quando organizações constituídas por diferentes setores e natureza se voltam à promoção de Empresas Sociais.


Palavras-chave


Empresas Sociais; Desenvolvimento Local; Poder Local; Pobreza.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v8i3.318

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638