Determinação do momento adequado para substituição de veículos em empresas com frota própria: Estudo de caso no setor público.

Abdelkader Bourahli, Luis Claudio Santana Montenegro, Itamar Antonio Fernandes

Resumo


A prática atual da substituição de veículos pelas organizações é basicamente intuitiva, ocorrendo tão somente quando a manutenção se torna um fator insustentável de custo. Análises com base em critérios econômico-financeiros, que possam orientar estratégias, são notadamente raras. Este trabalho descreve a aplicação de método como apoio na gestão da renovação da frota de veículos, e que seja aplicável às organizações que mantém frotas próprias. A referida aplicabilidade é testada em um estudo de caso no núcleo de transportes da Terracap, empresa pública do Distrito Federal. O estudo de caso foi realizado utilizando dados históricos dos principais componentes de custos dos veículos: manutenção; impostos e seguros; depreciação e custos de capital, avaliando o momento ideal para sua substituição. Os resultados de uma decisão fundamentada de renovação de frota demonstram ganhos financeiros impressionantes, além de ganhos mais amplos de qualidade, como produtividade, disponibilidade, conforto na utilização e liquidez na comercialização. A pouca aplicação de metodologia encontra explicação na falta de conhecimento dos gestores, mas se revela, pela simplicidade, estar dentro da realidade das empresas com frota própria.


Palavras-chave


logística. Transporte. Renovação de Frota.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v2i1.28

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638