Redes Interorganizacionais de cooperação para a internacionalização: o caso Brazilian Cattle

Gustavo Barbieri Lima, Dirceu Tornavoi de Carvalho, Orliene Maciel Guimarães, Mirna de Lima Medeiros

Resumo


O objetivo da presente pesquisa é investigar caso do Brazilian Cattle, um projeto do setor pecuário brasileiro voltado ao fomento de exportações, como sistema interorganizacional de cooperação. O método de estudo de caso foi utilizado, apontando resultados como: (1) o fato de as empresas participarem de uma rede e terem ligações com outras organizações traz ganhos superiores aos obtidos quando os mesmos atores operavam de forma isolada; (2) alguns fatores foram determinantes do sucesso atual do projeto: (a) a imagem já reconhecida da associação setorial (no caso a ABCZ – Associação Brasileira de Criadores de Zebu), como referência mundial no setor; (b) a qualidade da genética do zebu brasileiro e dos produtos nacionais para o agronegócio; e (c) a qualidade e organização das ações promovidas pelo projeto. Por fim, o modelo de colaboração organizado em torno de uma associação setorial, somado ao apoio do governo, parece alinhar-se aos elementos centrais do processo de internacionalização proposto pelo modelo Uppsala.


Palavras-chave


Consórcio de Exportação, Rede de Empresas, Internacionalização de Empresa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v7i2.255

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638