Gestão de Recursos Humanos em Diferentes Países: lições para organizações brasileiras?

Wesley Ricardo de Souza Freitas

Resumo


O presente artigo busca sistematizar uma ampla variedade de ações e práticas contextuais de recursos humanos (RH), com o objetivo de apresentar algumas recomendações para as organizações brasileiras. A partir da análise de relevantes artigos científicos que estudaram a Gestão de Recursos Humanos (GRH) em países da Ásia, Europa, África e do continente americano, pode-se concluir que as variáveis externas afetam a composição e a aplicação das práticas de recursos humanos nas organizações. Por fim, destacam-se fatores que podem influenciar as organizações brasileiras, especialmente os desafios impostos pela cultura, pela incorporação de novos paradigmas e também pela mensuração do impacto da GRH nos resultados organizacionais.

 


Palavras-chave


gestão de recursos humanos; gestão de pessoas; práticas de RH; gestores de RH; contexto organizacional.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v1i2.25

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638