Cooperação interorganizacional e inovação em arranjos produtivos locais: um estudo de caso aplicado no polo industrial de software de Ribeirão Preto SP (PISO)

Gustavo Barbieri Lima, Dirceu Tornavoi de Carvalho, Mirna de Lima Medeiros

Resumo


O objetivo do estudo foi investigar se ações de cooperação consideradas importantes por empresários de APLs do setor de software efetivamente ocorrem em um caso típico. Os resultados sugerem caráter evolutivo de ações de intercâmbio, interação e integração limitadas a temas de maior aceitação entre os membros do APL PISO, o caso estudado. Existe relação entre a percepção de importância e a efetiva realização de ações conjuntas em áreas não competitivas como certificação de qualidade e gestão de recursos humanos. Entretanto, temas como inovação e internacionalização são ainda considerados sensíveis e pouco afeitos a ações conjuntas por parte dos membros de APLs de software no Brasil.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13059/racef.v6i1.244

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista de Administração, Contabilidade e Economia da Fundace

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN: 2178-7638